reconhecimentos

Entre as 100 melhores empresas para trabalhar.  

A eleição das Melhores Empresas para Trabalhar foi uma iniciativa desenvolvida pela revista EXAME em parceria com a consultora everis e a AESE Business School.

A EXAME, a AESE e a EVERIS, parceiras no projeto, acreditam que as empresas e os respetivos sectores onde estão inseridas têm características e especificidades diferentes, bem como perfis e níveis de capacitação diferenciados nos seus colaboradores. Por outro lado, necessita-se cada vez mais uma atuação responsável por parte das empresas perante a sociedade, e todas estas preocupações foram refletidas no estudo. Assim, um dos objetivos da reformulação relativamente aos anos anteriores,  mais do que identificar uma boa empresa para trabalhar, foi reconhecer boas empresas para as pessoas e para a sociedade.

O estudo consistiu numa análise multidimensional que conjuga aferição do índice global de satisfação do colaborador com o grau de atuação responsável da empresa perante a sociedade

Em 2017 a AISP foi reconhecida como empresa Gazela pela CCDR Coimbra

O conceito de empresa gazela, assumido internacionalmente, corresponde a empresas jovens e com elevados ritmos de crescimento, sustentados ao longo fo tempo. São organizações inovadoras, capazes de se posicionar de forma diferenciadora nos mercados.

5.º lugar em 2016

. O índice de excelência é um estudo de clima organizacional e desenvolvimento do capital humano, realizado pelas entidades: Neves de Almeida; HR Consulting em parceria com a Human Resources Portugal, Executive Digest e o INDEG-ISCTE, através do qual de analisa o estado de arte das práticas de Recursos Humanso em Portugal e se premeiam as entidades que mais investem e apostam nesta área.

6.º lugar em 2015

O Índice da Excelência é um estudo de clima organizacional e desenvolvimento do capital humano, realizado pela Neves de Almeida | HR Consulting em parceria com a Human Resources Portugal, Executive Digest e o INDEG-ISCTE, através do qual se analisa o estado de arte das práticas de Recursos Humanos em Portugal e se premeiam as entidades que mais investem e apostam nesta área

Close Menu